Newsletter Compreingressos

Seja o primeiro a conhecer nossa programação de espetáculos, novidades, promoções e ofertas exclusivas

seu estado

  • AC
  • AL
  • AP
  • AM
  • BA
  • CE
  • DF
  • ES
  • GO
  • MA
  • MT
  • MS
  • MG
  • PR
  • PB
  • PR
  • PE
  • PI
  • RJ
  • RN
  • RS
  • RO
  • RR
  • SC
  • SP
  • SE
  • TO
cadastrar
Cidade
Gênero
X
Comédia 12 75 min R$ 40,00

O Filho da Mãe

Teatro Itália

República - São Paulo - SP

Endereço

Av. Ipiranga, 344
República - São Paulo - SP

ver google maps

Compre pelo telefone de segunda a sábado das 11h às 19h

(11) 2122-2474

Temporada

Quinta 21h

06 de Abril a 25 de Maio de 2017

Ingressos

R$ 40,00

Promoção Itaucard

50% de desconto para clientes Itaucard.

Promoção pessoal e intransferível para o titular do cartão na compra de um ingresso inteiro. Válido somente para 1 apresentação do espetáculo, mediante pagamento com cartões participantes da promoção.

Descontos

50% para pessoas de idade igual ou superior a 60 anos.
50% para estudantes.

Valores

R$ 40,00 inteira
R$ 20,00 meia

Ficha Técnica

Elenco – Eduardo Martini e Guilherme Chelucci.
Iluminação e Operação de Luz – Marcus Filomenus.
Trilha Sonora - Sergio Luís.
Operação de Som – Alexandra Rocha
Figurinos - Adriana Hitomi.
Cenário - Eduardo Martini.
Direção de produção – Valdir Archanjo e Bira Saide.
Realização – Martini Produções.

Sinopse
A história se passa em um apartamento e gira em torno da convivência de uma mãe divorciada com seu filho. A trama mostra de forma bem-humorada os conflitos e dramas nas mais diversas situações vividas entre Valentina (Eduardo Martini) – INDICADO PREMIO DE MELHOR ATOR E MELHOR ESPETACULO FITA 2016 e Fernando (Guilherme Chelucci ).

Enquanto Valentina é uma publicitária bem sucedida profissionalmente, mas completamente desmiolada e apaixonada pelo filho, Fernando é um recém-formado roteirista, que está indo para Nova York estudar cinema contra a vontade da mãe.

Diferente de peças que apostam na ordem cronológica, O Filho da Mãe não possui um enredo linear. Em quatro momentos diferentes, o texto joga com flashbacks que mostram essa relação de mãe e filho, revelando acontecimentos passados da vida dos dois.

Identificação e emoção

“Esse texto é um presente pra qualquer ator. Há uma riqueza dramatúrgica nas cenas que faz o publico se identificar com os personagens, com o cotidiano mãe/filho, trazendo ao ator possibilidades infinitas de representar. Quando fazemos o publico acreditar e se emocionar na peça, existe a certeza de que o trabalho do ator foi cumprido. Esse é o significado de fazer teatro”, diz Edu Martini.

No pequeno flat onde acontecem todas as discussões entre Valentina e Fernando, o ambiente é bem familiar. Existem elementos suficientes no palco para que as pessoas possam identificar nele suas próprias casas.

A apresentação conta com músicas de Tim Maia, artista pelo qual Valentina é completamente alucinada, chegando ao ponto de até conversar com o falecido cantor. São cerca de sete canções que incluem Primavera [Vai Chuva] e Chocolate.


Sobre Eduardo Martini

O ator e bailarino paulistano Eduardo Martini, desde os 16 anos atua, dança, canta, dirigiu e produz espetáculos, principalmente nos palcos cariocas. Depois de participar do musical Não Fuja da Raia, de Silvio de Abreu, com direção de Jorge Fernando, voltou a São Paulo com a comédia Na Medida do Possível, que foi sucesso de público.

Depois de cursar a Actor's Studio e a prestigiada Alvin Ailey American Dance Theater de Nova York, o ator se destacou nos espetáculos A Chorus Line, Tango, Bolero e Chá, Chá, Chá e Quem tem medo de Itália Fausta, entre muitos outros. Na TV, fez O Anjo Querubim na novela Deus Nos Acuda de Silvio De Abreu, fez o Cotia, dono da Gafieira da novela O Clone, além de trabalhar com Chico Anisyo durante 5 anos fazendo participações na Escolinha do Professor Raimundo e Chico Total, além de Os Normais, entre outros.

Mas foi no programa É Show, com Adriane Galisteu, que ficou conhecido do grande publico. Depois, uma participação no programa da Hebe Camargo criou a personagem Neide Boa Sorte, sucesso de publico que há 5 anos lota teatros por onde passa.

Sobre Guilherme Chelucci:
Guilherme Chelucci 40 anos bacharel em Direito pelo UMC em 2005, formou se ator em 2010 pela Globe-SP, no teatro atuou nos espetáculos 3 possibilidades direção Eduardo Martini, A noite todo gato é pardo direção Ricardo Rizzo, homens no divã direção Darson Ribeiro, mulheres solteiras procuram direção Pitty Webbo e nos infantis O rei leão, era do gelo, o garoto que não sabe rir e a dama e o vagabundo todos direção de Tiago Pessoa. Na publicidade fez as campanhas Citroen c3 Picasso 2012, Fiat Punto Itália 2014 e Nissan fronteira 2017. No corporativo desenvolveu um trabalho de clown receptivo para Johnson & Johnson. Na TV fez o personagem Epaminondas (Tarzan) na novela haja coração da Rede Globo.

*Sinopse sob total responsabilidade da produção do evento.

Comédia 12 75 min

O Filho da Mãe

Teatro Itália

República - São Paulo - SP

Sinopse
A história se passa em um apartamento e gira em torno da convivência de uma mãe divorciada com seu filho. A trama mostra de forma bem-humorada os conflitos e dramas nas mais diversas situações vividas entre Valentina (Eduardo Martini) – INDICADO PREMIO DE MELHOR ATOR E MELHOR ESPETACULO FITA 2016 e Fernando (Guilherme Chelucci ).

Enquanto Valentina é uma publicitária bem sucedida profissionalmente, mas completamente desmiolada e apaixonada pelo filho, Fernando é um recém-formado roteirista, que está indo para Nova York estudar cinema contra a vontade da mãe.

Diferente de peças que apostam na ordem cronológica, O Filho da Mãe não possui um enredo linear. Em quatro momentos diferentes, o texto joga com flashbacks que mostram essa relação de mãe e filho, revelando acontecimentos passados da vida dos dois.

Identificação e emoção

“Esse texto é um presente pra qualquer ator. Há uma riqueza dramatúrgica nas cenas que faz o publico se identificar com os personagens, com o cotidiano mãe/filho, trazendo ao ator possibilidades infinitas de representar. Quando fazemos o publico acreditar e se emocionar na peça, existe a certeza de que o trabalho do ator foi cumprido. Esse é o significado de fazer teatro”, diz Edu Martini.

No pequeno flat onde acontecem todas as discussões entre Valentina e Fernando, o ambiente é bem familiar. Existem elementos suficientes no palco para que as pessoas possam identificar nele suas próprias casas.

A apresentação conta com músicas de Tim Maia, artista pelo qual Valentina é completamente alucinada, chegando ao ponto de até conversar com o falecido cantor. São cerca de sete canções que incluem Primavera [Vai Chuva] e Chocolate.


Sobre Eduardo Martini

O ator e bailarino paulistano Eduardo Martini, desde os 16 anos atua, dança, canta, dirigiu e produz espetáculos, principalmente nos palcos cariocas. Depois de participar do musical Não Fuja da Raia, de Silvio de Abreu, com direção de Jorge Fernando, voltou a São Paulo com a comédia Na Medida do Possível, que foi sucesso de público.

Depois de cursar a Actor's Studio e a prestigiada Alvin Ailey American Dance Theater de Nova York, o ator se destacou nos espetáculos A Chorus Line, Tango, Bolero e Chá, Chá, Chá e Quem tem medo de Itália Fausta, entre muitos outros. Na TV, fez O Anjo Querubim na novela Deus Nos Acuda de Silvio De Abreu, fez o Cotia, dono da Gafieira da novela O Clone, além de trabalhar com Chico Anisyo durante 5 anos fazendo participações na Escolinha do Professor Raimundo e Chico Total, além de Os Normais, entre outros.

Mas foi no programa É Show, com Adriane Galisteu, que ficou conhecido do grande publico. Depois, uma participação no programa da Hebe Camargo criou a personagem Neide Boa Sorte, sucesso de publico que há 5 anos lota teatros por onde passa.

Sobre Guilherme Chelucci:
Guilherme Chelucci 40 anos bacharel em Direito pelo UMC em 2005, formou se ator em 2010 pela Globe-SP, no teatro atuou nos espetáculos 3 possibilidades direção Eduardo Martini, A noite todo gato é pardo direção Ricardo Rizzo, homens no divã direção Darson Ribeiro, mulheres solteiras procuram direção Pitty Webbo e nos infantis O rei leão, era do gelo, o garoto que não sabe rir e a dama e o vagabundo todos direção de Tiago Pessoa. Na publicidade fez as campanhas Citroen c3 Picasso 2012, Fiat Punto Itália 2014 e Nissan fronteira 2017. No corporativo desenvolveu um trabalho de clown receptivo para Johnson & Johnson. Na TV fez o personagem Epaminondas (Tarzan) na novela haja coração da Rede Globo.